Dicas para o concurso da Polícia Rodoviária Federal

prf-dicas blog-01

O edital do concurso público da PRF foi publicado e, pensando em ajudar na sua preparação, nossos professores separaram algumas dicas importantes que você precisa saber na hora da prova.

Confira algumas dicas selecionadas para que você fique atento aos estudos! 👊

História da PRF com a prof. Janaína Rosar, Policial Rodoviária Federal

DICA #01: Em 1945, a Lei Joppert (decreto 8.463) reorganizou o DNER, dando autonomia técnica e financeira ao mesmo, inclusive o direito de exercer o poder de polícia de tráfego nas rodovias federais, nascendo assim a denominação POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL.

DICA #02: Atualmente, a PRF conta com algumas áreas de atuação especializada, dentre as quais podemos destacar: Escolta, batedor e motopoliciamento; Operações de controle de distúrbios; Pronto emprego; Policiamento com cães; Operações aéreas e Perícia (implantada em 2013).

Legislação de Trânsito com o prof. José Leles

DICA #01: DIRIGIR SOB EFEITO DE ÁLCOOL, FISCALIZAÇÃO
Existem três possibilidades do motorista ser autuado: primeiro, quando é realizado o teste e o índice é superior ao permitido. Ou quando o motorista de recusa a fazer o teste e o Agente da Autoridade de Trânsito percebe e registra sintomas de embriaguez (olhos vermelhos, odor etílico, andar cambaleante, dentre outros). E, ainda, quando o motorista se recusa a fazer o teste, podendo o Agente autuar pela simples recusa (conforme prevê a Lei 13.281/16, criando o artigo 165 A no CTB – Código de Trânsito Brasileiro).

DICA #02: FISCALIZAÇÃO EM ÁREAS DE ESTACIONAMENTO PRIVADO
Desde novembro de 2016, por força da Lei 13.281, é possível notificar infratores e arrecadar multa por infrações de uso de vagas reservadas em áreas de estacionamento privadas, abertas à circulação pública.

DICA #03: EXAME TOXICOLÓGICO, SAIBA QUANDO FAZER
O exame toxicológico é conhecido como de “larga detecção”. Isto é, registra até 90 dias anteriores, e deve ser feito para se obter ou renovar a Carteira de habilitação nas categorias C, D, ou E. Além disso, deve ser feito quando se completar a metade do tempo da validade da habilitação (art. 148 A do Código de Trânsito Brasileiro).

DICA #04: CARTEIRA DIGITAL DE TRÂNSITO
Ao fazer ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação, o condutor tem a possibilidade de emitir o documento digital, que será carregado em seu smartphone, com a mesma validade do documento impresso. O serviço funciona por meio de aplicativo gratuito, que não requer internet para ser acessado. Este modelo é autorizado pelo Conselho Nacional de Trânsito.

DICA #05: FISCALIZAÇÃO DE TRÂNSITO POR VIDEOMONITORAMENTO
Por meio de Resolução, o Conselho Nacional de Trânsito autorizou o uso de videomonitoramento para o registro de infrações de trânsito. A fiscalização pode ser feita tanto em vias urbanas quanto vias rurais (rodovias). Portante, são válidos os autos de infração emitidos nestas condições.

Código de Ética do Servidor Público, com a prof. Daiane Tramonitini

DICA #01: O Decreto n. 1.171/1994 prevê nas Vedações ao Servidor Público que “é vedado ao servidor público retirar da repartição pública, sem estar legalmente autorizado, qualquer documento, livro ou bem pertencente ao patrimônio público”. Atenção para o constante no art. 117, in. II da Lei 8.112/90 (Estatuto): “retirar, sem prévia anuência da autoridade competente, qualquer documento ou objeto da repartição”.

DICA #02: Para o Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal (Decreto 1.171/94), “a pena aplicável ao servidor público pela Comissão de Ética é a de censura e sua fundamentação constará do respectivo parecer, assinado por todos os seus integrantes, com ciência do faltoso”.

DICA #03: Nos termos da Regras Deontológicas, previstas no Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal (Decreto 1.171/94), a cortesia, a boa vontade, o cuidado e o tempo dedicados ao serviço público caracterizam o esforço pela disciplina. E, atenção, tratar mal uma pessoa que paga seus tributos direta ou indiretamente significa causar-lhe dano moral (inciso IX).

Esperamos ajudar você em sua preparação para o concurso PRF!

Conheça nosso curso pós-edital completo e avançado, com foco total nesta prova → 

Esse post foi publicado em Concursos e Editais, Concursos Nacionais, Dicas de estudos, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Vida de Concurseiro e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s