Questão Desafio: Português (Facebook – 17/04)

(AOCP/BRDE/Assistente Administrativo/2012)

Os quadrinhos podem destruir a literatura
Luís Antônio Giron

Observo um fato cada vez mais frequente: o desprezo dos jovens por certas obras literárias, sobretudo as adotadas nas escolas e exigidas no vestibular. Os estudantes já não têm paciência para lidar com Iracema, de José de Alencar, Dom Casmurro, de Machado de Assis, O Ateneu, de Raul Pompeia, e nem mesmo conseguem tirar proveito das humorísticas Memórias de um sargento de milícias, de Manuel Antônio de Almeida. Eles tratam os títulos que acabei de citar com uma falta absoluta de respeito – pior, uma falta de noção de respeito. Não entendem a grandeza desses e outros grandes romances do passado. Os professores, por seu turno, não parecem fazer questão de transmitir um entusiasmo literário que eles próprios não possuem. Os professores jogaram a toalha. Aí tudo se torna rotineiro e entediante como uma lição de casa que não pode ser executada. Quanto mais são obrigados a ler, mais os jovens repudiam os livros. Eles já não veem sentido no ato da leitura, até porque são encorajados pelos mais velhos a se valer da internet, dos videogames e da televisão, em detrimento dos meios tradicionais.

A frase “Os professores jogaram a toalha.” (1.º parágrafo) apresenta uma expressão empregada:

(A) em sentido próprio e significa que, na luta contra a preguiça dos alunos, eles desistiram de sua tarefa.

(B) metaforicamente e significa que os professores desistiram de transmitir entusiasmo literário aos alunos.

(C) metonimicamente e significa que, no ringue de luta entre alunos e professores, estes desistiram de lutar.

(D) em sentido próprio e indica pontualmente a angústia dos professores frente ao descaso dos alunos.

(E) em sentido próprio e indica que os professores não conseguiram entusiasmar os alunos nas leituras.

Resposta: B

Comentários da professora Mercedes Bonorino:

A expressão “jogar a toalha” é de sentido figurado/conotativo. Como há a linguagem figurada, há também a presença de uma figura de linguagem que é a metáfora. Ocorre metáfora quando um termo ou expressão substitui outro através de uma relação de semelhança resultante da subjetividade de quem a cria. A metáfora também pode ser entendida como uma comparação abreviada, em que o conectivo não está expresso, mas subentendido. Também chamada de analogia.

Esse post foi publicado em Questões Desafio. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s