Questão Desafio: Português (Facebook – 21/03)

(IFSC/Assistente de Administração/2009) Observe os verbos destacados no excerto do texto.

ALIMENTOS PARA O CÉREBRO
O estudioso Fernando Gómez-Pinilla descobriu que os ácidos graxos do tipo Ômega 3, encontrados no salmão,  castanhas e kiwi, por exemplo,  podem  interferir  positivamente  na memória e auxiliam na melhora da depressão, esquizofrenia e demência. […]
Um estudo de longa duração avaliou a saúde de indivíduos que vivem em uma vila isolada na Suíça, do seu nascimento à sua morte e toda a sua árvore genealógica, em um período superior a cem anos. Demonstrou que o tipo de alimento ingerido pode interferir até no funcionamento do cérebro de nossos descendentes, pois o número de indivíduos diabéticos e os casos de morte precoce aumentam nas gerações cujos avós paternos viveram em tempos de abundância.

(Adaptado de TUMA, R. Alimentos para o cérebro. Carta na Escola, São Paulo, n. 29, p. 13, set. 2008)

Leia as afirmativas abaixo:

I.  O sujeito de avaliou é “um estudo de longa duração”, enquanto que o sujeito de demonstrou é “o estudioso Fernando Gómez-Pinilla”, retomado do parágrafo anterior.
II.  Os verbos vivem e viveram estão conjugados no mesmo modo verbal, porém em tempos diferentes: presente e pretérito perfeito, respectivamente.
III.  O verbo avaliou indica um tempo anterior a vivem; e vivem, um tempo anterior a aumentam.
IV. Os verbos vivem e aumentam apresentam o mesmo tempo verbal.
V.  Os verbos aumentam e viveram marcam o fim de uma ação.

Assinale a alternativa CORRETA:
A) Somente as afirmativas III e V são corretas.
B) Somente as afirmativas II e IV são corretas.
C) Somente as afirmativas I e IV são corretas.
D) Somente as afirmativas II e III são corretas.
E) Somente as afirmativas I e V são corretas.

Resposta: B

Comentários da professora Mercedes Bonorino:

I: Errada porque o sujeito de “demonstrou” é oculto é pode ser verificado pelo contexto “um estudo de longa duração” – expressão explicitada no período anterior.

III: Errada “vivem” e “aumentam” não podem ser vistos como um anterior ao outro. Ambos estão no tempo presente do indicativo. Os tempos na língua portuguesa que estabelecem ações sucessivas no tempo são o mais-que-perfeito e o futuro do pretérito do indicativo.

V: Errada porque “aumentam” não marca fim de ação. Entretanto, “viveram” – pretérito perfeito do indicativo, sim, marca final de uma ação.

Esse post foi publicado em Questões Desafio. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s